sodepaz viajes
Menu

Manual sobre técnicas preservação de sementes e vulgarização de sementes tradicionais conservadas

Manual sobre técnicas preservação de sementes e vulgarização de sementes tradicionais conservadas

Descrição:

Este manual elaborado no quadro do projeto " Apoio a Promoção da Soberanía alimentar e a Medicina tradicional com Equidade de Genero nas Regiões de Oio, Cacheu e Bafatá (Guinea Bissau) (PR803D 17 /2012)"que fazemos chegar às mãos dos camponeses, das camponesas, dos técnicos e das técnicas e pessoas que se preocupam com o desenvolvimiento rural sostenible e duravél a través de diversos componentes como é a preservaração das sementes crioulas (nativas/locais) e apostam na produção agroecológica, destaca-se a importância das sementes para a boa saúde da vida camponesa.

Ao abordarmos as transformações ocorridas na agricultura, salientamos as conseqüências negativas do modelo imposto pelo         monopólio       das         grandes       empresas transnacionais,fundamentalemnte de agroalimentação, que buscam o controle de toda a cadeia produtiva, ou seja, desde os insumos, as sementes e toda a cadeia de a produção (fertilização química,control fitosanitario químico,etc). Para a Federação Camponesa KAFO não é esse o modelo que defendemos de cadeia productiva.

Assim busca-se neste manual demostrar a importância da agroecologia e da resistência das camponesas, dos camponeses e comunidades que teimosamente fazem das sementes
crioulas/nativas um caminho para a sua autonomia e autosuficiencia alimentar.

A Semente crioula (nativas/locais) é vida e patrimônio dos povos. Agregam sabedoria milenar, experiência, cultura, mística e biodiversidade.


Para as comunidades, grupos e associações, organizar bancos de sementes crioulas é fundamental para fortalecer a produção, construir autonomia e distribuir sementes como forma de atividade geradora de rendimento.

Para manter a qualidade e a saúde das sementes crioulas (nativas/locais) precisamos ampliar nosso conhecimento técnico, observar nossas lavouras, registrar informações e partilhar as experiências e os conhecimentos entre os atores ativos da vida rural, em este caso na Guiné Bissau.

A qualidade da semente é, sem dúvida, um dos aspectos mais importantes para se alcançar o sucesso na produção agricola e hortícola. Vários fatores afetam a qualidade (genética, física,
fisiológica e sanitária) das sementes durante o processo de produção,de ahí a pertinencia da realização de este tipo de formações.

As sementes devem ser produzidas seguindo as melhores técnicas e devem ser colhidas no momento certo e beneficiadas (limpas) de acordo com as exigências de cada espécie.
Geralmente, o/a produtor/a não utiliza as sementes logo após a colheita que, desse modo, necessitam ser armazenadas para os próximos cultivos. Assim, o objetivo principal de se conservar sementes nativas é a preservação da sua qualidade, a busqueda da autonomía dos/das camponeses/as e a melhora nas condições de vida rurais e nutricionais das populações.

Adicionado: 18-12-2013

Baixar

Voltar a Materiais